sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Meu amor, meu presente de Deus

Cada dia vivo mais pensativo,
Penso em ti a cada instante,
Sem poder abraçar-te,
Sem poder beijar-te,
No meio da rua,
Ao passear pela cidade,
Dar as mãos pelo passeio,
Dizer que te amo tanto…
Tanto que me dói,
Tanto que me faz chorar,
Queria gritar ao mundo,
O quanto me fazes pensar,
O quanto me fazes feliz,
E o que sinto por te amar...
Só queria ter-te aqui,
Adormecer no teu ombro,
Sonhar contigo ao lado,
Ter a certeza de tudo,
Sentir-me seguro de ti,
Meu coração está magoado…
Dói-me com tanta força,
E não posso resistir-lhe,
Pois cada vez que estou contigo,
Tenho vontade de amar,
E amo com tanta força,
Que ele acaba de novo a chorar…
Vem ficar aqui,
Vem abraçar-me de novo,
Quero ter-te todos os dias,
Quero apenas ver-te sorrir,
Mas quando não estás aqui,
O meu sorriso não pode fluir…
Trás esse coração contigo,
Vem viver a felicidade,
Não aguento a saudade,
A que colocas no meu peito,
E venho embora a chorar,
Porque, meu amor,
Não te queria deixar…
Vem pra mim,
Só quero ver-te sorrir,
Sem ti ao meu lado,
Tenho vontade de desistir…
Mas dás-me força pra lutar,
Sem saber que luto por ti,
É uma luta diária,
Que me faz viver,
Vivo em teu louvor,
E um dia vou vencer!

AMO-TE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário